• Indique um amigo
  • Vagas para Estágio
  • Trabalhe Conosco
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • RSS
(31) 3891-2374 Rua Alex Doroffef, nº50
Centro - Viçosa, MG

Tradição e tecnologia nos 35 anos do Festival de Dança Núcleo

Já tradicional na cidade o Festival de Dança Núcleo comemora 35 anos trazendo  inovação e tecnologia. A renovação é uma constante na história do festival, evento que já levou ao palco milhares de bailarinos formados no Núcleo, além de importantes convidados.

A presença de novos bailarinos e a permanência de quem frequenta o Núcleo há anos, torna a comemoração ainda mais especial para a diretora geral do Festival, Patrícia Lima. “É motivante e nos traz alegria poder constatar que na última edição as bailarinas que eram pequenas, hoje estão sendo as nossas protagonistas. Comprovamos aí a força da dança e de quem com persistência, disciplina e paixão, 10 anos depois, de pequenos bailarinos se tornam verdadeiros artistas”, declara.

O diretor artístico do espetáculo, Reynaldo Muniz também lembra das bailarinas que estão no Núcleo há uma década e afirma que o público poderá vê-las em um excelente nível técnico. “Do ponto de vista artístico e técnico acredito que temos feito uma grande transformação. Não só do ballet, mas de toda a montagem e isso é uma das coisas que o público vai poder apreciar”, enfatiza.

O Festival de comemoração dos 35 anos do Núcleo também usará a tecnologia em favor da arte e o público viçosense verá algo inédito nas produções artísticas da cidade. Desta vez o palco receberá, além do talento dos bailarinos e da beleza do clássico “O Quebra Nozes”, um cenário virtual construído especialmente para o espetáculo. A ideia é usar o recurso para compor com mais realismo e magia as cenas da noite de natal e as aventuras e sonhos que Clara vive ao lado de seu brinquedo.

O cenário está sendo elaborado em conjunto com a direção e especialistas em Belo Horizonte e o responsável André Hallak, conta que o processo tem diversas etapas de ilustrações e testes de projeção, fundamentais para um bom resultado final. “Com as duas coisas definidas faremos a programação da operação e a montagem”. Hallak ressalta que os cenários virtuais são muito explorados no exterior e começaram a ganhar adeptos no Brasil há pouco tempo.

O ineditismo do espetáculo com cenário virtual se unirá ao trabalho já conhecido do cenógrafo Jarbas Nogueira que acompanha o Núcleo em sua trajetória. Aliar elementos virtuais e físicos será um diferencial ainda maior nessa montagem d' “O Quebra Nozes”, que tem direção artística de Reynaldo Muniz e Kátia Vitalino, Direção Geral de Patrícia Lima e contará com a participação de mais de 200 bailarinos com apresentações dias 28 e 29 Novembro no Centro de Vivência da UFV.

O Festival do Núcleo de Arte e Dança acontece por meio da Lei Federal de Incentivo a Cultura numa realização do Ministério da Cultura, Núcleo de Produções Culturais, Instituto Asas e Núcleo de Arte e Dança. O patrocínio é de Roberto Andrade, SERJUS Anoreg - , Amantino Supermercados, Metalsider e Haskell. Com o apoio Cultural do Colégio Anglo e da Agência Mapa do Mundo numa promoção da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PEC) - UFV e FACEV.

Autoria: Assessoria de Imprensa

Núcleo Academia Viçosa Minas Gerais
Rua Alex Doroffef n° 50 - Centro, Viçosa, MG
E-mail: contato@nucleoad.com.br
Telefone: (31) 3891-2374
Copyright © 2013 - Todos os direito reservados Desenvolvido por Redline Websites