• Indique um amigo
  • Vagas para Estágio
  • Trabalhe Conosco
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • RSS
(31) 3891-2374 Rua Alex Doroffef, nº50
Centro - Viçosa, MG

Diversidade em Dança traz para cena mais de 300 bailarinos

Quem esteve na Mostra Diversidade em Dança 2014 pode apreciar grandes espetáculos nas mais diversas modalidades e a apresentação de mais de 300 bailarinos entre amadores e profissionais. As apresentações ocorreram na última quinta (26) e sexta-feira (27) no auditório Fernando Sabino do Centro de Vivência da UFV.

Na primeira noite foram apresentados clássicos do ballet do repertório mundial com os bailarinos do Grupo Êxtase de Danças Clássicas, Grupos juniores do Núcleo de Arte e Dança além de convidados . Esteve presente neste no primeiro espetáculo também, o Ballet Virtuose do Curso de Dança da UFV que apresentou a coreografia Revoar. O segundo momento da noite foi a vez das danças contemporâneas entrarem em cena. O Grupo Êxtase de Dança apresentou o premiado espetáculo “For Sale” do coreógrafo Fernando Martins.  Também se apresentaram como convidados, O Grupo Rascunho vinculado ao curso de dança com o trabalho “Imódico” e o Grupo Êxtase Experimental que se apresentou com o espetáculo do repertório do Grupo Êxtase “7 flores” de Rosa Antuña.

No segundo dia na noite designada ao ballet clássico foram apresentadas suítes de “O Corsário” e o clássico mundial “O Carnaval em Veneza”. Já a segunda parte  da noite foi dedicada às Danças Urbanas. O Grupo Impacto de Dança abriu as apresentações com seu grande sucesso de 2013, o espetáculo Cromossomo Y de Octávio Nassur. Também se apresentaram no palco da Mostra alunos de Jazz do Núcleo e grupos do Projeto Voar, Centro Experimental de Artes e Grupo Impacto das cidades de Ubá, Cajuri que foram selecionados para representar Minas Gerais no Festival Internacional de Hip Hop em Curitiba-FIH2 no próximo mês de Julho. Para encerrar a noite, o Grupo Impacto de dança apresentou sua coreografia Como-Unidade, também selecionada para o FIH2.

Na opinião de quem esteve presente, a mostra este ano trouxe bailarinos muito capacitados, como a analista de TI Márcia Mendonça que afirmou tem sido contagiada pela dança “principalmente o talento das bailarinas pequenas, porque a gente espera que por serem novinhas tenha erros, e elas foram impecáveis”. Para o engenheiro civil Rômulo Laurindo de Freitas, a técnica também chamou a atenção, “Eu pude notar a personalidade de cada bailarino nas coreografias”.

Os participantes também destacaram a importância cultural do evento como é o caso de Ricardo Heleno, estudante do curso de dança da UFV. Segundo ele “Viçosa carece de eventos culturais e esta Mostra é importante para despertar desde pequenos o gosto pela arte da dança”. A professora do curso de jornalismo da UFV, Mariana Bretas, elogiou muito a Mostra deste ano e reforçou que “é fundamental que haja esse contato da população com a arte através da dança, principalmente em um movimento que engloba tanta diversidade de estilos”.

O evento aconteceu através da Lei de Incentivo a Cultura do Ministério da Cultura com a promoção da Pró- Reitoria de Extensão e Cultura da UFV; FACEV e   Prefeitura Municipal de Viçosa - Secretaria de Cultura patrocínio: Serjus Anoreg e  Haskell numa realização do Instituto ASAS e Núcleo de Arte e Dança.

Autoria: Assessoria de Imprensa

Núcleo Academia Viçosa Minas Gerais
Rua Alex Doroffef n° 50 - Centro, Viçosa, MG
E-mail: contato@nucleoad.com.br
Telefone: (31) 3891-2374
Copyright © 2013 - Todos os direito reservados Desenvolvido por Redline Websites